Jornalismo verdade é aqui

Rede de solidariedade: vítima de presente-bomba terá casa reformada

Edileuza, vítima de presente-bomba

Após reportagem exibida no Brasil Urgente, Edileuza Ramalho, ferida em atentado, recebe doações de produtos e serviços

Os espectadores do Brasil Urgente são mesmo os melhores! Depois que fizemos um apelo ao vivo, diversas pessoas entraram em contato com nossa reportagem para ajudar a operadora de telemarketing Edileuza Ramalho, 49 anos, vítima de um presente-bomba no início da semana.

Leia também
“Multa-móvel”: carro da CET fiscaliza zona azul em São Paulo

Inscreva-se no Canal do Datena no YouTube

Para quem não lembra, a história é a seguinte: na noite de terça-feira (5), Edileuza recebeu uma caixa com um buquê de flores em Francisco Morato, Grande São Paulo. Assim que abriu, o pacote – na verdade, um presente-bomba – explodiu, causando ferimentos nela e no filho e destruindo a casa. Todos os cômodos foram atingidos e o telhado desabou.

Na ocasião, ela contou que estava arrumando a residência aos poucos com o salário que ganha de R$ 1 mil por mês e ainda não havia conseguido terminar de mobiliá-la – o que obviamente seria mais difícil de concluir após a explosão. Mas agora vai! Entre as mais de 80 ofertas feitas por nossos espectadores estão produtos, incluindo material de construção, móveis e utensílios, além de serviços como assessoria de obras e limpeza.

Além disso, a família receberá cestas básicas e ajuda financeira para a compra de medicamentos.

ATUALIZAÇÃO DO CASO

Por enquanto, Edileuza segue internada na Santa Casa de Francisco Morato sem previsão de alta e deve passar por procedimento cirúrgico. Seu estado é estável, mas os médicos acreditam que os ferimentos podem causar sequelas definitivas. Ela deve voltar a enxergar, mesmo com o olho direito bastante ferido, mas não está ouvindo bem, pois os dois tímpanos foram perfurados.

A polícia investiga o caso. A principal linha até o momento indica que um ex-namorado pode ter sido o responsável por enviar o presente-bomba.  

Adicionar comentário