Jornalismo verdade é aqui

João Kleber: Teste de Fidelidade deve voltar ao ar com toque de “modernidade”

Datena e João Kleber

João Kleber foi o convidado do Papo com Datena da semana; live acontece toda quinta-feira no YouTube

João Kleber revelou nesta quinta-feira (26) que pretende voltar com o “Teste de Fidelidade” na grade da RedeTV!. A afirmação foi feita durante a live Papo com Datena no YouTube. Segundo o apresentador, o programa deve manter o formato, mas ganhar um toque de “modernidade”.

Leia também
Carlos Alberto conta que Silvio Santos o proibiu de entrar no SBT
Raul Gil: “Quase fui embora, mas continuo no SBT”

“Vou voltar com o ‘Teste de Fidelidade’. Vamos voltar com uma nova roupagem. Você tem que se reinventar, não pode mais ser o mesmo. Venho convencendo a direção da TV e a equipe para dar uma modernidade para ele. O formato está em mais de 26 países, já apresentei até em Portugal. As pessoas sempre me cobram esse retorno, mas não posso fazer igual fazia lá atrás. Eu falo que ‘quem vive de passado é museu’. Você tem que se reinventar. Isso eu sempre tento. Às vezes não consigo, mas tento”, disse, sem dar maiores detalhes.

O “Teste de Fidelidade” foi exibido pela RedeTV! entre 2013 e 2015. Nele, atrizes e atores usavam todas as suas “armas de sedução” para “testar a fidelidade” de casais. A direção era feita por Rafael Paladia, diretor dos dois programas atualmente apresentados por João Kleber, “Você na TV” e “Te Peguei na TV”.

Inscreva-se no Canal do Datena no YouTube

Durante o período de isolamento social causado pela pandemia do coronavírus, as duas atrações tiveram que ser um pouco modificadas. João explicou que, com o “Você na TV”, ele e a equipe precisaram “fazer um Frankenstein” para criar novos programas com conteúdos já gravados e pequenos trechos inéditos. Já com o “Te Peguei na TV”, a novidade foi pedir para que os espectadores criassem e enviassem pegadinhas caseiras. E parece que deu certo.

“Eu falei para todo mundo: ‘não podemos ter só pegadinhas antigas’. Aí bolei de o telespectador fazer a pegadinha caseira. Ele manda a pegadinha e a gente brinca em cima. Conseguimos uma coisa inédita”, contou. “Isso eu não vou tirar nem depois da pandemia. Até o custo fica mais em conta. Barateia que é um absurdo. E a gente coloca no ar até as que não dão certo. ‘Isso não deu bom, mas vamos tirar um sarro’. Dá maior resultado.”

CONFIRA A ENTREVISTA NA ÍNTEGRA:

Adicionar comentário